REFERÊNCIAS
ALMADA, Negreiros (2006). O Desenho, in Manifestos e Conferências. Lisboa: Assírio & Alvim.

ALMEIDA, Victor M (org.) (2013). Design: Catálogo da Exposição de Alunos Finalistas de Design de Comunicação. Lisboa: FBAUL.

ARCHETTI, Marco et al. (2011). Economic game theory for mutualism and cooperation, in European Science Foundation, Ecology Letters.

BARTHES, Roland (1968). La mort de l’auteur. Paris [A Morte do Autor, in O Rumor da Língua. São Paulo: Martins Fontes, 2004.].

BARTHES, Roland (1975-1995). Roland Barthes aprés Roland Barthes. Paris [Roland Barthes sobre Roland Barthes. Lisboa: Edições 70, 2009.].

CALVINO, Italo (1990). Le cittá invisibili. Florence: Palomar [As Cidades Invisíveis. Lisboa: Editorial Teorema, 2008].

ECO, Umberto (1962). A Obra Aberta. Porto: ed. Público, «Colecção Mil Folhas», 2002.

ESCOUBAS, Eliane (2005). Investigações Fenomenológicas sobre a Pintura, in Kriterion. Belo Horizonte.

FLUSSER, Vilém (2010). Uma Filosofia do Design. Lisboa: Relógio de Água.

FOUCAULT, Michel (1969). Qu’est-ce qu’un auteur?. Paris. [O que é um autor?. (4ª ed.) Colecção Passagens. (Trad. port. de António Fernando Cascais e Eduardo Cordeiro) Vega, 2000; 164 pp.].

GONÇALVES, Sandra Sofia (2013). Página enquanto heterotopia ou espaço de convergência do design com a edição. Tese de Doutoramento apresentada a 7/2/2013 à Universidade de Lisboa.

HÉLDER, Herberto (2001). Teoria das Cores in Os Passos em Volta. Lisboa: Assírio e Alvim.

KITTLER, Friederich (1986). Gramophone, Film, Typewriter. Stanford: Stanford University Press.

LIMA, Manuel (2011). Visual Complexity: Mapping Patterns of Information. Princeton Architectural Press.

LUPTON, Ellen (2004). The Designer as Producer. Typotheque, acedido a 22/02/2014.

MAEDA, John (2003). Maeda @ Media. Reino Unido: Thames & Hudson; 464 pp.

MAU, Bruce (2004). Massive Change: Bruce Mau and the Institute Without Borders. Londres: Phaidon.

MCLUHAN, Marshall – The Medium is the Message, in Understanding Media: the Extensions of Men, 1964. in The New Media Reader, The MIT Press, 2003.

MIRANDA, José Bragança de (2012). Corpo e Imagem. Colecção Passagens. Vega.

PONTY, Merleau (1960). L'Oeil et l'Esprit. Paris [O Olho e o Espírito. (8ª Edição.) Colecção Passagens. (Tradução Luís Manuel Bernardo) Vega, 2013.].

REAS, Casey C (2010). Form+Code in Design, Art and Architecture. Princeton Architectural Press.

SERRES, Michel (1982). The Parasite. Baltimore e Londres: The John Hopkins University Press.

SHANNON, Claude (1948). Teoria Matemática da Comunicação, in Bell System Technical Journal.

TURING, Alan (1950). Computing Machinery and Intelligence, in The New Media Reader. Massachusets: The MIT Press, 2003.

WEIBEL, Peter – The post-medial condition, em revista ArteContexto Nr. 6, p.11-15. 2005.

2014. Hugo Oliveira Vicente. Faculdade de Belas-Artes. Lisboa